Cadastre-se  e crie um Perfil com as coisas que você gosta. Também pode adicionar coisas novas, escrever e ler opiniões.

Cuba

14
 

Usuários

Eu Gosto!

Descrição:

Cuba é a maior ilha das Caraíbas, a menos comercializada e um dos últimos bastões do comunismo. Os seus habitantes são conhecidos por serem muito hospitaleiros. A sua arquitectura colonial, a sua música, as suas excelentes praias e os seus charutos são a sua imagem de marca.


  • Área: 110,860 km²
  • População: 11 milhões
  • Capital: Havana ...
    Ver mais »
  • Avalie:
    Cuba

    Gente que gosta

    Mestre
    roberto romera
    Novato
    mano
    Mestre
    Evelise
    Mestre
    RENATO
    Novato
    andreia
    Novato
    Ronaldo Peronico
    Mestre
    ♥Nalu Teles®♥
    Mestre
    ♫♪⊰✿⊱Dhio⊰✿⊱♫♪
    Novato
    Luz
    Novato
    lilokas
    Novato
    AmberDolly
    Novato
    José Costa
    Novato
    andreia reis

    Novato
    njbferreira

    njbferreira disse

    0
    CUBA, o país de Fidel Castro. Com 11 milhões de habitantes e em formato de crocodilo este paraíso, faz parte das ilhas das Caraíbas. Varadero - Uma das melhores estâncias turísticas de Cuba, fica a 3 horas de Havana. Com praias de areia branca e água azul – turquesa, com estonteantes 27 graus, fazem com este local paradisíaco seja único no mundo. Praia com tanta beleza, nunca havia visto, só em revistas da especialidade. Cuba, um país de tradições e costumes únicos no mundo, onde as pessoas, as aldeias, as cidades, os carros, as estradas, as florestas, parecem ter parado no tempo, desgastadas com o regime e com o embargo, parece que recuamos 40 anos. Varadero é muito conhecido turisticamente, por causa dos resorts internacionais que ali existem. Fiquei hospedado no Hotel Arenas D`oradas,(o ponto mais negro da hotel a evitar de todo) Saímos de Portugal como recém-casados e neste hotel nunca fomos reconhecidos, com tal. O quarto tinha camas separadas, e nunca fomos presenteados com as surpresas publicitadas na brochura da agência de viagens para o regime especial de "Lua-de-mel". Isto é vergonhoso, mesmo depois dar conhecimento á SOLTUR, em Portugal, o problema não foi resolvido. (PARA ESQUECER) Tirando este contratempo, foi uma viagem inesquecível e maravilhosa . Em sistema de tudo incluído, como é normal nestas paragens, parecia um rei, ainda mais em Lua -de - mel, não imaginam, a satisfação, era total. Nesta viagem voltei a fazer mergulho, para muitos considerado um dos melhores destinos de mergulho do mundo, águas excelentes com temperaturas formidáveis onde é possível mergulhar em recifes de coral com muita biodiversidade, num mundo submerso cheio de cor, melhor segundo dizem os especialistas só mesmo no mar vermelho…. Havana - Capital de Cuba, com 2 milhões de habitantes é dividida turisticamente em Havana Velha, Colonial e Havana Nova. Na primeira podemos ver bairros bastante degradados e sujos, com ar envelhecido, onde dia á dia, passam milhares de pessoas. Praticamente sem crime Cuba é provavelmente o país mais seguro do mundo, muito bom para os turistas, há pobres mas não roubam para comer, não pedem dinheiro mas sim bens materiais. A moeda nacional é o peso, mas a turística é o peso convertível 1peso cuc = 1 eur. Os cubanos são muito comerciais e gostam muito de pedir gorjetas, tudo é pago até as mais elementares informações. O mercado negro é o mais visto, a fuga aos elevados impostos é o principal objectivo. Cuba é um “museu vivo do automóvel mais antigo do mundo”, é em Havana que podemos ver os mais originais, táxis e autocarros em estilo de camelos, coches, bicicletas tudo serve para meio transporte. Os carros parecem maquinas do tempo, os antigos carros americanos parecem não ter fim passam de geração em geração, e continuam andar como se carros novos se tratassem. Em Havana Nova, não deixem de visitar as várias fábricas de charutos, o Capitólio, réplica do Capitólio Americano, a Velha Catedral a Praça dos Ministérios, onde o Fidel faz aqueles longos comícios de 4 e 5 horas. Visitem também a Bodeguita Del Médio, e a Floridita no primeiro bebam um “Mojito” e na segunda um "Daiquiri", este bares foram muito frequentados pelo norte-americano, Ernest Hemingway o escritor que fez de Cuba a sua segunda pátria. Não passem por Havana, sem assistir ao espectáculo da tropicana, o cabaré Cubano mais procurado pelos turistas que visitam este país das Caraíbas. EU ESTIVE LÀ………

    em 21 Abr, 2008 - Para responder identifique-se - Denunciar

    Novato
    Trinta&Um

    Trinta&Um disse

    0
    Pois bem, como a grande maioria dos visitantes em Cuba, fiquei num Hotel em Varadero, uma península com 25 Km, a maior estância balnear e turistica de Cuba. Os hoteis pareceram-me um pouco mais pequenos e antigos que os da República Dominicana e o ambiente igualmente menos tropical mas, apesar de tudo, as praias são muito boas, com àgua quente e transparente, mar "flat" (exceptuando quando chegou uma frente fria), alguns couqueiros para dar o toque dos tropicos. Guardo boas recordações da minha primeira aula de mergulho com garrafas e saída para o mar, um espetaculo. Também adorei o passeio pelos cayos de catamaran, o snorqueling (os corais são incriveis), adorei nadar com os golfinhos e até mesmo ouvir os salseiros tocar Quim Barreiros com tons de salsa. Havana é uma cidade imponente, mas tmbém transparece a decandencia que é uma realidade neste país, embora já se encontrasse algumas fachadas recuperadas pela UNESCO. As pessoas são extremamente simpáticas e bonitas. óptimo destino!

    em 28 Dez, 2005 - Para responder identifique-se - Denunciar

    Novato
    super_tuga

    super_tuga disse

    0
    Fui a Cuba à dois anos numa viagem de finalistas, com cerca de 25 pessoas, maioritariamente homens. Foram 9 dias, 7 noites. Com 2 noites em Havana no Hotel Presidente (4*) e 5 noites em Varadero no LTI Bella Costa (4*). Ficámos todos arrependidos por termos ficado apenas 2 noites em Havana. Não conseguimos ver tudo. Eu nem consegui ir à Bodeguita Del Medio. Varadero não traz nada de novo que uma Républica Dominicana não traga. Estar num Hotel fechado a maior parte do tempo num regime de Tudo Incluído, pode-se estar em qualquer lado do mundo. No entanto, no hotel os animadores eram espectaculares, muito porreiros, jogávamos à bola com eles na praia, e como tínhamos uma bandeira de Portugal na nossa baliza, eles íam sempre buscar uma bandeira cubana para por na baliza deles. Um dos empregados desse hotel, chamado Lionel, levou-nos a casa dele em Cardenas a comer lagosta por um preço irrisório. Em Cardenas voltámos a sentir a verdadeira Cuba, pois eramos praticamente os unicos estrangeiros naquela terra. O problema em Cuba é a pobreza, e a capacidade de transformar tudo em negócio. Um dos mais lucrativos é a prostituição, porque em uma noite conseguem ganhar o que ganha um polícia por exemplo, disse-me um taxista local. As abordagens são constantes em qualquer cidade. Ofereceram-nos lagosta, charutos, mulheres (até mesmo mães a "vender" as próprias filhas), cocaína, rum, até prometeram-nos vinho do Porto. A maioria das abordagens são engraçadas. No primeiro dia ainda tive algum receio, mas a partir do momento em que fui com mais dois colegas negociar charutos para dentro de uma casa quase a derrocar, em que estavam cerca de 7 cubanos, perdi qualquer medo e senti que era bemvindo neste país.

    em 30 Jun, 2005 - Para responder identifique-se - Denunciar

    dopin respondeu

    boas ! gostei da tua opiniao, também estive em Cuba à 3 três anos e vivi mais ou menos aquilo que que descreveste, já estive noutros lados que nao me deixam tantas saudades, Cuba para mim é para voltar. bem vindo, abraços

    inca401 respondeu

    OIS :) passei por aqui para te dar as boas vindas e dizer-te que gostei muito da tua opinião :) olha e não ligues a esse gaijo (o dopin) que ele nã bate com os 5 bem medidos lol :) bá me bou bjinho

     
    Novato
    dopin

    dopin disse

    0
    nunca vi nada igual, espectacular, fantástico, maravilhoso. o melhor destino de férias possível. apesar das dificuldades que aquele país enfrenta, as pessoas são simpáticas, prestáveis, as prais são fabulosas, a paisagem em geral é lindissima (tipicamente tropical), mas o melhor é a sua paisagem urbana, mais em particular a cidade de Habana, com os seus edificios antigos (autenticas reliquias da civilização), os carros (magnificos) do anos 40 e 50. é algo que só se pode ver em filmes que retratam a vida dos anos 40 a 60. recomendo a todas as pessoas que queiram passar umas férias em segurança, com praias maravilhosas, paisagens fantásticas, e essencialmente, sentir o contacto com a população "nativa", e preparem-se para ter a sensação que regressaram ao passado. lindooooo. no entanta é importante lembrar, que como o país é bastante pobre, não pode oferecer o luxo que certas instâncias turísticas oferecem (mas contínua a ser muito bom e compensam pela simpatia), por vezes podemos ver locais que denotam bastante pobreza, mas nunca miséria, é um povo e um país com dignidade, que aprendeu a viver pobre mas com orgulho e sem nunca se lamentarem de ser quem são. cumprimentos

    em 5 Mai, 2005 - Para responder identifique-se - Denunciar

    Opinoso respondeu

    só achei estranho vc comentar que os cubanos ''aprenderam a viver pobres e com orgulho''. Nenhum ser humano aprende a viver pobre. Todo o ser humano quer desfrutar de um vida digna e luta por isso. Por isso, não acredito que os cubanos sintam prazer em viver na pobreza, muito pelo contrário, é um povo lutador e corajoso. Tchau

    Minnie respondeu

    Á semelhança de outros locais paradisíacos, também Cuba tem o seu lado triste; infelizmente quando passei lá umas férias deixei-me envolver com a população, especialmente em havana; aí, quando os empregados ganharam confiança connosco por diversas vezes nos pediram comida, sabonetes, canetas, tudo ás escondidas e muitas vezes a chorar desesperados; uma rapariga dos seus 18 anos até disse ao meu pai que se ele pagasse o que quer que fosse, dormiria com ele(sugestão recusada...claro). Cuba é tudo isso que referiu mas é acima de tudo muita miséria escondida e muitas lágrimas.Vim de lá com uma grande angústia, por isso na viagem seguinte ás caraíbas já não me envolvi tanto com a população, é hipócrita mas é mesmo assim... : ( Gostei da opinião, mas durante as duas semanas que passei lá, cada vez me fui apercebendo mais que aquele povo oprimido não é nada feliz, mesmo nada. *A*

     
    Novato
    aninhas27

    aninhas27 disse

    0
    Cuba, a maior ilha do Caribe é, de facto, um país fascinante e de visita obrigatória, por variadíssimas razões : As pessoas são extremamente hospitaleiras e comunicativas, apesar das restrições que o Governo comunista de Fidel Castro impõe na relação entre locais e turistas; O clima é fantástico, quente e húmido, e as praias de águas mornas e areia branca muito agradáveis ( pelo menos Varadero, onde fiquei hospedada); O ritmo caribenho convida qualquer um á dança,e o exotismo típico do povo cubano é muito atraente; Os automóveis de estilo americano dos anos 50, mostram a presença de um país outrora benvindo, são lindos e dão muita cor e originalidade ao país; Havana, capital do país, é lindíssima. A parte velha e histórica da cidade, com os seus monumentos a visitar, contrasta com a parte nova, com modernos edificios. A parte antiga da cidade é, sem dúvida, a mais interessante. A visitar: A fábrica Partagas, onde se fabricam os famosos charutos cubanos, e onde podemos assistir á sua confecção manual...vale mesmo a pena!!! Para comprar charutos, faça-o na "candonga", são bem mais em conta! Os mais conhecidos são os Cohiba,e também dos melhores; O Malécon, ou molhe da cidade, onde se pode passear junto ao mar e ter uma panorâmica geral da parte costeira de Havana; há também uma feira semanal no Malécon, onde vale a pena comprar artesanato local e bonitos quadros; La Bodeguita del Medio, tasca ou bar onde Ernest Hemingway bebia os seus "mojitos"; A praça central de Havana, onde se pode ver a Catedral do séc.18, construída pelos jesuítas; O Capitólio Nacional, uma cópia fiel do Capitólio de Washington DC,foi mandado construir por um dos ditadores cubanos ( Machado); O edificio Bacardi, famoso em todo mundo pelo seu Rum, pertencia ao barão do açucar e do rum ,Emilio Bacardi, daí o nome; enfim....podia estar aqui a escrever o resto da noite, mas o melhor é visitar,in loco, este país maravilhoso, ue apesar das restrições e pobreza, tem muito para oferecer ao turista que o visita!!!

    em 1 Fev, 2004 - Para responder identifique-se - Denunciar

    Novato
    Usuario desactivado

    Usuario desactivado respondeu

    Fiquei cheia de vontade de visitar Cuba!!!! Excelente comentário, dá quase para sentir que estamos lá... Beijinhos, Filipa

    Novato
    Usuario desactivado

    Usuario desactivado respondeu

    Obrigada, Filipa... Para quando uma nova opinião tua? Beijinho pa ti :))

     
    Novato
    Usuario desactivado

    Usuario desactivado disse

    0
    Um país onde os próprios cubanos se sentem livres. Passei o primeiro dia em Havana em casa particular, depois, passei 9 dias na província de Ciego de Ávila, fiquei em casa particular, visto ter correspondentes aí, o que se torna mais barato e além disso, fiquei em casa de alguém, por quem sou apaixonada.O último dia, passei em Havana passiei e namorei pelo famoso Malecón e vi a fonte da liberdade. Em Morón, por um dólar pode-se ver um viveiro de crocodilos e podem ser alimentados pelos turistas com um pouco de peixe amarrado a uma cana. Existe um hotel barato em Morón, a cidade do galo e na provincia de Ciego de Avila, tem um hotel o Santiago la Habana, cuja diária simples é de 27 dólares e o duplo é de 36 dólares. Recomendo também a Laguna de Leche e o restaurante de marisco dentro da própria água. O peixe é óptimo e a cerveja bucanero também.

    em 27 Mai, 2003 - Para responder identifique-se - Denunciar

    Novato
    Sapo007

    Sapo007 disse

    0
    Estou abismado com o numero de pessoas tão satisfeitas com este destino. Vou simplificar a minha opinião para não ser demasiadamente descritivo. Quando é que estive em Cuba? Maio de 03; 2 noites em Havana e 5 noites em Varadero Quanto custou? 1.400 por pessoa (tudo incluído; Hotéis Melia Cohiba em Havana e Tryp Peninsula em Varadero) O melhor: + a elevada cultura e educação do seu povo + aspecto histórico de Havana + contacto com um dos últimos redutos comunistas desta civilização + a segurança que se sente quando se anda nas ruas + o mar das Caraíbas + o preço e qualidade dos charutos + o descanso O pior: - A degradação de Havana em termos urbanísticos - Excesso de turistas - Política de turismo semelhante a Cancun, urbanizando excessivamente a orla costeira de Varadero com Hotéis - O medo do povo em exprimir a sua opinião O que aconselho: - Levem dólares - Não tenham medo do peso convertivel (1 US$ = 1 peso convertivel) mas livrem-se deles antes de virem embora - Falem com os agentes de viagem que vos acompanham no transfer. Eles dizem o que fazer na cidade e não são intrujas - Havana vê-se num dia. Para quem for para Varadero, é preferível fazer uma excursão de um dia a Havana do que ficar a dormir duas noites na capital - Ir a um Paladar, são restaurantes privados habitualmente localizados nas casas dos habitantes (pedir conselho na recepção do Hotel) - Fazer uma excursão de Catamaran a Caio Blanco e nadar com os Golfinhos - Fumar um Presidente por $10 - Beber muitos Mujitos - Ir à Bodeguita del Medio (não sei se é assim que se escreve, mas o Hemingway ia lá por isso fica bem e a zona é gira) - Os quadros dependem do gosto de cada um (eu dos que vi não achei nada de especial). Se comprarem não se esqueçam de trazer o certificado de compra caso contrário ficam com a obra na alfândega - Pedir as bebidas com pouco açúcar - Ir para Varadero com tudo incluído - Varadero vê-se em meia hora, não vale a visita - Comprar os charutos na fábrica para quem for a Havana . Comprar sempre em lojas e nunca na rua. Atenção a data de fabrico para não comprarem charutos com muito tempo, quanto mais frescos melhor. Podem-se trazer 50 charutos por pessoa e os preços são a metade dos praticados por cá. O que não tive tempo para fazer: - Ir a uma discoteca - Ir a uma fábrica de charutos (estão fechadas ao fim de semana) A nível de hotéis aconselho o Tryp Península pois é um resort bastante agradável com boa comida e óptimas instalações. Muitos dos hotéis em Varadero são torres (e devem ser evitados). Devido à sua localização em Havana não aconselho o Melia Cohiba, procurem um hotel mais no centro da cidade.

    em 21 Mai, 2003 - Para responder identifique-se - Denunciar

    Novato
    Usuario desactivado

    Usuario desactivado respondeu

    De facto, a cidade de Havana está degradada, com as casas muito velhas, é verdade, mas se tivesse tido a oportunidade de entrar em uma delas, veria que são limpas, velhas sim, mas limpas e espaçosas. De facto, os cubanos não podem falar o que pensam, por exemplo, não podem falar em comer carne de vaca ou que o governo é uma porcaria, o governo já sabemos como é, mas em muitas ocasões está correcto e funciona, é verdade que se pode andar em Cuba à vontade eu andei; a carne de vaca é um bem muito caro, tal como a carne de peru. Comem galinha, porco e com muita sorte. Como a família cubana com quem tive a sorte de ter como vizinhos, carne ou peixe só uma vez por mês e quando há dinheiro para isso. A alimentaçcão é à base de vegetais e já agora, para quem está tão habituado a hotéis e restaurantes continentais, deviam ser turistas livres como eu, pagam só a viagem de avião e instalam-se numa residencial cubana, é mais barato e estarão em contacto directo com a realidade de Cuba. Eu não precisei de residencial, tenho a possibilidade de ter uma casa própria em Ciego de Àvila, através do meu noivo.Ás vezes é mais barato ter correspondentes em ceros países, quando vamos lá é mais barato e vemos muito mais do que aqueles que estão em hotéis, porque só vêem o que o governo quer.

    Novato
    Alvega

    Alvega disse

    0
    Cuba, mais uma viagem que ficará para sempre na memória de quem a fizer. Isto, daqueles que não se limitarem a uma estadia em Varadero. É incrível como há tanta gente (e eu conheço muitos), que de Cuba apenas conhecem Varadero. Varadero não é Cuba! Varadero é uma estância turística com uma realidade que não é a cubana. Inclusivé, quando lá estive no ano passado, estavam a controlar a entrada de cubanos em Varadero para que os turistas não vissem a Cuba real. Aconselho quem for uma semana para Cuba, a dedicar apenas dois dias a Varadero. Guardem o resto para Havana, e se possível Santiago. Outra coisa incrível é não se conseguir arranjar neste país uma viagem que inclua sómente Havana e Santiago. Praticamente não existem ofertas para Santiago, uma cidade que actualmente está a suplantar Havana em todos os aspectos. Quanto a Havana, é simplesmente espectacular. Não me importava de lá voltar todos os anos. O povo é o mais simpático que conheço, de longe. Andando a pé pela rua, as pessoas têm as portas de casa abertas devido à falta de ar condicionado, e quando nos vêem passar convidam-nos a entrar nas suas casas e oferecem um rum ou um habano (charuto cubano). Entrei em casa de várias pessoas, onde conversámos várias horas e inclusivé assisti com eles a telenovelas brasileiras, que já tinham passado cá e eles queriam que lhes contássemos o que se iria passar. Os bares com música ao vivo são um must, podemos estar ao pé e falar com músicos que conhecemos de filmes como Buena Vista Social Club. Aconselho uma volta pela cidade em mototaxi, um triciclo motorizado em que duas pessoas são transportadas pelo motorista. Muito mais barato que o táxi e vai-se ao ar livre. Uma volta num Cadillac dos anos 50 é também uma experiência inolvidável. Havana é um museu vivo, parece que parou no tempo. Cidade única no mundo. Imprescindível também, é uma visita ao cabaret Tropicana. O show é fenomenal, o bilhete um pouco caro. Dizem os Cubanos que é o maior cabaret da américa latina. A não perder também os bares Bodeguita del Medio (para os Mojitos) e Floridita (onde costumava estar Hemingway, para os Daiquiris). Para um jantar magnífico aconselho o restaurante Patio, na Plaza de la Catedral (Habana Vieja). A experimentar também uma refeição num Paladar, que são casas particulares em que são servidas refeições aos turistas. Quanto a hotéis, os melhores são definitivamente o Melia Cohiba e o Nacional. O Tryp Habana Libre também não é mau. Caso consigam visitar Santiago, dêem uma volta pela Sierra Maestra. Na zona de Varadero vale a pena visitar o Parque Josone (lindo) e a criação de crocodilos (cocodrilos como dizem os cubanos) em Guamá. Resta dizer que o pior para mim e para quem foi comigo foi a comida. É razoável no hotel, mas fora dele não presta. Isto para quem (como nós) está habituado a comida bem condimentada. parecia que era tudo sem sal e sem tempero. E é difícil encontrar um frasco de piripiri, parece que os cubanos não são muito dados a picantes. Espero que apreciem esta viagem tanto como eu apreciei, vale bem a pena.

    em 2 Mai, 2003 - Para responder identifique-se - Denunciar

    felix-brasil respondeu

    Cuba é um exemplo de governo de extrema esquerda bem sucedido. Apesar de enfrentar alguns problemas, a igualdade entre a população encanta. Pena que este regime tenha dado certo somente neste país.

    Novato
    Usuario desactivado

    Usuario desactivado respondeu

    Estás a ser irónico não?

     
    Novato
    msousa

    msousa disse

    0
    Cuba é um daqueles lugares que cativa à primeira vista. Tudo é fantástico: o tempo, a agua, as pessoas, a comida... menos os transportes. Fui e adorei. Fui a Havana um dia numa excursão e é suficiente para se conhecer o essencial de Havana. Assim os outros dias serviram para descansar na praia junto daquela agua morna e sem ondas. Outro conselho que dou é ir com tudo incluido é mais caro, é certo mas com o calor que se sente lá vai-me agradecer. Porque beba muito ou pouco já está pago, já para não falar da comida!!!!!

    em 10 Mar, 2003 - Para responder identifique-se - Denunciar

    Marketeer respondeu

    Queria que soubesse que hesitei entre a classificação de Muito Útil e Útil, acabando por ser aquela a levar a melhor. Prevaleceu o princípio de que a quem chega se recebe bem. E tudo porque eu acho que referindo-se a Cuba, com tanto que há para dizer, foi digamos que...um bocadinho poupado. Não havia necessidade... Continue a satisfazer a nossa curiosidade. Cumprimentos Marketeer

    Novato
    irenepec

    irenepec disse

    0
    Em Cuba o que gostei mais foi de Varadero. Fiquei num hotel de 3 estrelas tão bom que nem consigo imaginar como será um de 5... Estava tudo incluído. O hotel tinha 2 bares interiores, e dois exteriores, um na piscina e 1 na praia, onde podíamos pedir o que quiséssemos (tinhamos umas pulseiras de identificação).Tinha ainda uma pizzaria, um buffet (com comidas deliciosas.....hummmmm), lojas, 3 piscinas, uma zona de espectáculos, zonas com sofás, mesas e cadeiras, cadeiras e espreguiçadeiras na piscina. Os quartos tinham cofre (mas eu não usei porque a mala de uma das minhas amigas tinha segredo). Os quartos eram bons, com uma boa casa de banho. As empregadas faziam autênticas obras de arte com as tolhas (cisnes, flores, corações). A praia de Varadero é óptima, com um comprimento a perder de vista. O mar também é uma delícia. Muito mais quente que o nosso. Na zona da cidade propriamente dita existem muitas zonas de comércio onde se podem comprar lembranças muito bonitas e originais. Não são muito caras. Aliás, às vezes os comerciantes fazem trocas com coisas que nós levamos. Um colega nosso levou uma data de relógios daqueles das feiras e trocou por vários presentes. No entanto, a parte mais inesquecível desta viagem foi ir de catamaran até uma das ilhas de Cuba. O passeio incluia ir até a uma baía de golfinhos e nadar com eles, mergulhar numa zona de corais (sem botija) e almoçar na ilha. Era mesmo daquelas como se vêm nas fotografias. Adorei! Já agora, se fores mulher, Cuba é o lugar ideal se precisas de elevar o ego. Não há homem que não te faça um piropo daqueles mesmo óptimos. Eu vim muito melhor....;)

    em 9 Fev, 2003 - Para responder identifique-se - Denunciar

    Novato
    Usuario desactivado

    Usuario desactivado respondeu

    Sei que ando desaparecido.....mas descobri esta tua opinião e não resisti. Agora espera pela minha, estive lá ha duas semanas. Beijos Alexandre

    Cadastre-se em Livra para participar, ou identifique-se se já é usuário.

    Mais informações

    • Moeda Peso Cubano
    • Continente Caribe
    • Língua Espanhol
    • País Cuba

    -

    Compartilhar

    URL

    Listas

    E.U.A. Cuba

    Quero Ir

    (3 products)

    Por
    em 5 Jan, 2011

    Estatísticas

    • Eu gosto Eu gosto 14
    • Qualificações Qualificações 32
    • Comentários Comentários 32
    • Visitas Visitas 2
    Close